Método de Estudo SQ3R: O Manual Absolutamente Completo

SQ3R Você utiliza algum método de estudo?

Ou simplesmente acredita que basta ler o conteúdo uma vez para aprender o que foi visto?

Saiba que a maneira como você estuda pode estar influenciando bastante não só no seu aprendizado, como também na sua fixação.

E estou certo que a última coisa que um candidato quer é esquecer um conteúdo que leu em menos de uma semana. Imagino que o mesmo vale para você. 😉

Por isso, na aula de hoje você vai receber o guia completo e definitivo sobre um método de estudo que ganhou repercussão internacional e que vai aumentar expressivamente sua taxa de aprendizado e fixação sobre os assuntos estudados.

Vamos nessa!

O Método SQ3R


Livro MétodoO SQ3R é um método de estudo considerado por muitos especialistas na área da ciência cognitiva como o mais eficiente para se aprender e fixar algum conteúdo. Ele foi criado e apresentado por Francis Pleasant Robinson em seu livro Effective Study (Estudo Eficaz).

Trata-se de um método composto pela combinação de vários outros mais conhecidos, como a releitura, criar resumos, grifar e interrogatório elaborativo (se autoquestionar sobre o assunto).

A forma como os passos devem ser seguidos atiçam a nossa curiosidade sobre o assunto, nos trazendo mais interesse para o que vai ser estudado.

Nesse método, você não vai fazer apenas uma única leitura sobre o assunto, como os estudantes fazem habitualmente.

Com o SQ3R o aprendizado será composto por 5 etapas e você fará mais de uma leitura do conteúdo. A repetição é uma ferramenta fundamental para a memorização.

Mas então, o que significa este SQ3R?

Trata-se de um acrônimo composto pelas respectivas palavras: Survey (Examine), Question (Questione), Read (Leia), Recite (Recite) e Review (Revise). Essas palavras representam as etapas que devem ser seguidos durante o seu estudo.

Vamos ver, passo a passo, como aplicar cada uma das etapas.

#1 Survey


Examine - SQ3R

Neste passo você fará uma análise rápida do que será aprendido.

Você vai fazer uma leitura dinâmica dos títulos e subtítulos, observando as palavras grifadas no livro (ou qualquer outro material que esteja utilizando para estudar), analisando as figuras e suas legendas, lendo resumos e conclusões ao final do capítulo (se houver) e passando o olho rapidamente sobre o texto, lendo-o por alto.

Assim você desperta atenção e interesse pelo o que será aprendido.

Não tem por que começar a estudar o assunto aceleradamente, achando que assim ganhará tempo para estudar outros conteúdos. Qualidade é mais importante!

É melhor “gastar” minutos a mais para garantir um aprendizado e uma fixação duradoura, o que certamente vai acarretar em uma boa nota no seu concurso.

Primeiro vamos preparar nossa mente, aquecer o motor, “alongar” o cérebro.

Procure pegar algumas ideias do assunto, mas não se preocupe em compreender todo o texto nessa etapa. Folheie o assunto com gosto e curiosidade pelo que vai ser visto. Fique empolgado pelo que está por vir!

Fazendo isso você já saberá do que se trata o assunto e, inclusive, já terá capitado algumas ideias do que vai ser aprendido.

Lembre-se que essa etapa é uma leitura por alto do assunto, então não deve levar muito tempo.

#2 Question


Questione - SQ3R

Concluído o primeiro passo, questione. Formule perguntas para o que vai ser visto, antes mesmo de estudar.

Responder a essas questões já nos serve como uma meta que deve ser cumprida ao final dos 5 passos do método SQ3R.

Como você já percebeu, as duas primeiras etapas preparam sua mente para o que está por vir. Agora é hora de se aprofundar.

#3 Read


Leitura - SQ3R

Este é o terceiro passo do método.

Faça uma leitura do assunto da forma que provavelmente está acostumado a fazer.

Melhor ainda se você fizer uso das técnicas de leitura acelerada.

Você já sabe do que se trata o conteúdo e inclusive assimilou algumas ideias. Agora leia com atenção, não se distraia e aprenda tudo que está sendo lido.

Reveja as figuras, palavras grifadas e resumos. Leia o texto todo. Tire as suas conclusões. Procure responder a todas suas perguntas feitas no passo #2 enquanto estuda.

#4 Recite


Recite - SQ3R

Uma das etapas mais importantes do SQ3R.

Hora de reler o que foi visto. A repetição torna a leitura ativa, ajuda na fixação.

Embora o nome desta etapa seja “recite”, você não vai simplesmente reler mais uma vez em voz alta. Você vai grifar os pontos que considerou mais importante. Os pontos chave para o entendimento do assunto.

Vai também reproduzir o material da sua forma: faça resumos, gravações ou crie mapas mentais.

Verbalize os pontos em destaque de seu resumo, para que também possa ouvir. Dessa forma você vai usar o aprendizado com quadrupla força: ver, escrever, falar e ouvir.

Esse é o passo que vai estruturar suas ideias, facilitar seu entendimento e ajudar na sua memorização.

#5 Review


Revisão - SQ3R

Responda todas as suas perguntas mais uma vez. Consegue explicar tudo aquilo que resumiu sem ler o que escreveu? Lembra-se dos pontos grifados no texto? Respondeu todas as questões corretamente?

Hora de se testar mais uma vez.

Veja como se saiu nos testes relendo tudo que escreveu, revendo os pontos destacados e as questões elaboradas (não é para reler o texto todo).

Reforce os trechos que sentiu mais dificuldade para que não tenha mais dúvidas.


Concluído os 5 passos do método de estudo SQ3R você com certeza deve estar dominando completamente o assunto estudado. É bem provável que já esteja preparado para explicar ou ensinar a alguém aquilo que aprendeu.

Se não tiver, talvez você não tenha formulado perguntas o suficiente, seu resumo/mapa mental/gravação não foi bem estruturado ou você não reforçou os assuntos que sentiu maior dificuldade.

Nesse caso é aconselhável que você repita os passo 2, 3, 4 e 5 do método.

O tempo gasto estudando um conteúdo pode levar mais tempo com o SQ3R, mas o ganho em aprendizado e memorização com certeza é compensador. Vale a pena investir um tempo a mais para garantir uma boa preparação.

Agora você pode estar pensando:

“Como diabos eu vou aplicar esse método? Engenharia praticamente só tem conta!”

 

Calma, nobre concurseiro(a). De fato, os próprios estudiosos citam que esse método é de grande eficácia nas matérias de humanas.

Porém, adaptando o SQ3R a nossa realidade, ele também é muito eficiente para o aprendizado e memorização. Basta utilizarmos os princípios dessa metodologia: despertar interesse, conhecer, estruturar/destacar e revisar.

Agora vamos aprender como aplica-lo em matérias do ramo da engenharia.

SQ3R para Engenheiros Concurseiros


SQ3R para engenheiros

Muitos de nós pensamos que os conteúdos de engenharia se resumem a decorar fórmulas e aprender a como resolver os exercícios.

Aí está dois grandes erros.

Primeiro que nem todas as questões de prova desta área estão diretamente relacionadas a operações matemáticas. Além disso, algumas engenharias possuem mais matérias envolvendo cálculos do que outras.

Segundo que um erro comum dos estudantes de engenharia é querer decorar fórmulas sem, ao menos, tentar entende-las.

Veja bem, não estou dizendo que não é necessário memorizar tais fórmulas, mas sim que as entendendo o processo de fixação fica ainda mais fácil.

É mais simples memorizar a fórmula do módulo de elasticidade, por exemplo, quando primeiramente se sabe o que é o módulo de elasticidade e a sua unidade de medida.

Por que estou falando isso?

Ora, se é importante que se entenda o conceito das fórmulas é necessário ler e não simplesmente partir para os exercícios. Se é necessário ler, então o SQ3R, do jeito como ele é, já se torna efetivo para o aprendizado e fixação.

Ainda assim, há alguns ajustes que podemos fazer para tornar esse método ainda mais eficiente para você, Engenheiro Concurseiro.

Explico abaixo como aplicar o método SQ3R para assuntos com bastante cálculo e assuntos com bastante “decoreba”.

Para conteúdos de engenharia com bastante teoria basta utilizar o método da forma como foi explicado acima.

Assuntos com Bastante Cálculo


SQ3R cálculo Na fase de Survey siga as mesmas instruções dadas anteriormente, mas dedique um pouco mais de atenção à resolução dos exemplos dados em seu material e as fórmulas apresentadas.

Não é para estudar toda a resolução do exercício. Apenas olhe, veja as fórmulas utilizadas e a ordem como foram aplicadas.

Uma vista por alto, para abrir a sua cabeça e se preparar para o que estar por vir.

No segundo passo, questione sobre o conceito das fórmulas: o que representa cada símbolo, em quais situações elas são aplicáveis e quais são suas unidades de medida (metro, pascal, joule, amperes,…).

Essas são as principais respostas que se deve saber para entender e memorizar fórmulas.

Na etapa Read leia todo o texto. Eu disse todo o texto, não disse para ver as fórmulas e pular para os exercícios.

Leia com bastante atenção a teoria, as deduções de fórmulas e principalmente a parte prática (mas não apenas). Sei que um erro muito comum de estudantes de engenharia é ver a fórmula e partir para o exercício. Mas nessa etapa você vai ler todo o texto com atenção.

Tenha em mente que a fase Read só será feita uma vez, então não se preocupe em pensar que está perdendo tempo demais.

Ao final tente responder as questões que você formulou e veja se aprendeu a resolução dos exercícios.

Recite, assim como já foi explicado, grife os pontos importantes do texto, as fórmulas que são utilizadas e escreva em um papel a resposta das perguntas feitas no passo 2 (vou reforçar aqui porque as considero importantes: qual o conceito da fórmula, o que representa cada símbolo, em quais situações as fórmulas podem ser aplicadas e quais são as unidades de medida).

As perguntas que eu mencionei são praticamente tudo que você precisa saber para se sair bem.

Nessa etapa você pode, também, tentar criar mnemônicos sempre que possível para ajudar a memorizar as fórmulas (uma ferramenta extra, além de entender o conceito), só não perca tempo demais com isso.

Coloco abaixo exemplos de três fórmulas que você jamais irá esquecer graças ao uso de mnemônicos:

  • Velocidade de um corpo em M.R.U.V: V = V0 + A.T – Vou Voar + AlTo
  • Distância M.R.U.: D = V.T – Deus Vê Tudo
  • Vazão: Q = V.A – Que Velha Azarada

 

Utilizei exemplos genéricos, bem básicos mesmo. Mas você pode usar esta ferramenta para fórmulas específicas de sua engenharia, vai ajudar bastante na memorização.

Só atente para não gastar mais tempo criando mnemônicos do que estudando de fato.

Review, nessa etapa você vai começar resolvendo exercícios sem a consulta de nenhum material, sejam eles livros, apostilas ou suas próprias anotações.

Feito isso, analise seu desempenho e depois reveja os pontos grifados e as informações anotadas, independentemente de ter acertado tudo ou não.

É óbvio que se acertou tudo você vai apenas dar uma olhada ligeira no que está grifado e anotado, mas se errou você deve dar uma olhada mais criteriosa e rever a resolução dos exercícios.

Assuntos com Bastante Decoreba 


Matéria Decoreba

Na etapa Survey, mais uma vez, siga as mesmas instruções dadas no começo da explicação do método.

Faça uma leitura rápida, observe os dados que exigem memorização pura, sem entendimento (Exemplo: norma NBR 9050 de acessibilidade; observar que a dimensão do módulo de referência para pessoas em cadeira de rodas é 0,80×1,20 metros), olhe os títulos e subtítulo, ilustrações e suas respectivas legendas, pontos em negrito, resumos e conclusões.

Você está preparando sua mente para tudo aquilo que você terá que memorizar.

No segundo passo do método SQ3R você vai simplesmente se questionar sobre o que cada dado se refere e se há alguma lógica nesse número.

Exemplo:

Na norma NBR 6118 é possível verificar que a relação água/cimento em concreto armado para ambientes com classe de agressividade IV deve ser menor que 0,45; enquanto em ambientes com classe I esta relação pode ser até 0,65. Essa informação é decoreba pura ou há uma lógica por trás disso?

Entender o porquê de determinado dado com certeza nos ajuda a memoriza-lo.

Na fase Read você irá ler todo o assunto e vai tentar responder os questionamentos feitos no passo anterior.

No quarto passo, Recite, grife tudo aquilo que considerou importante, exceções (no caso X utilize tal dado, mas se acontecer Y use o dado Z) e os dados a serem memorizados.

Escreva em um papel e verbalize várias vezes todos os dados que você precisa fixar (lembre-se de utilizar a repetição espaçada), use a quadrupla força.

Responda suas perguntas feitas anteriormente mais uma vez, faça um quiz para si mesmo. Garanta que só irá passar para a próxima fase quando for capaz de falar todos os dados sem espiar suas anotações ou o que está grifado em seu material utilizado para estudo.

Cerca de 30 minutos depois de concluída a quarta etapa, responda mais uma vez seu questionamentos e fale para você mesmo os dados que precisam estar memorizados.

Repita algumas vezes, a repetição é essencial para a memorização. Feito isso veja os pontos grifados e as anotações feitas para avaliar como se saiu e para reforçar o que foi visto.

Pronto, seguindo os 5 passos do SQ3R estou certo que você conseguirá memorizar qualquer assunto “decoreba”. Vai se impressionar com o número de informação que o seu cérebro é capaz de armazenar.

Conclusão 


A+

Você aprendeu no artigo de hoje tudo que poderia saber sobre o método de estudo SQ3R e como aplica-lo ao estudar matérias teóricas, com bastante cálculo e até mesmo com muita decoreba.

A forma como aprendemos pode ser o grande responsável por baixo desempenho em provas ou simulados. Por isso, o ideal é que você estude de uma forma que realmente nos traga resultados positivos.

Qualidade é mais importante que quantidade.

O método SQ3R vai te consumir um pouco mais de tempo, mas o entendimento e a fixação sem dúvida serão mais duradouros.

Caso você queria aprender um pouco mais sobre o método SQ3R assista ao excelente vídeo abaixo. Ele é bem prático e didático.

Atividades Propostas


AtividadesNão vamos ficar só na leitura. É hora de colocar o SQ3R em prática, e de preferência hoje mesmo!

Suas atividades para os próximos dias serão:

#1 Escolha dois assuntos que você ainda não estudou para testar o funcionamento do método. Pode ser teórico, de cálculo ou de memorização pura, mas escolha dois conteúdos do mesmo tipo;

#2 Estude um deles pelo método de estudo SQ3R e o outro pelo método convencional;

#3 Três dias depois resolva exercícios dos dois assuntos e confira em qual deles você teve melhor desempenho.

 

Para tornar o resultado mais representativo procure utilizar dois conteúdos de tamanho (não muito grande) e dificuldade parecida. Caso contrário o experimento perde um pouco da sua confiabilidade.

 

 

Agora me diz uma coisa…

Ficou alguma dúvida? Comente abaixo!

Ajude o EC a crescer compartilhando esta página nos botões de redes sociais ao lado ou abaixo! Leva menos de 10 segundos e você vai contribuir com a propagação de um conteúdo de qualidade. :)

Inscreva-se na lista abaixo para receber conteúdos com dicas avançadas e restritas em primeira mão!

Siga firme!

  • Marcel Maranhão

    Participe!

  • João Paulo

    Gostei muito desse método, fiz a atividade proposta e percebi uma diferença muito grande no aprendizado! Parabéns!

    • Engenheiro Concurseiro

      Legal, João Paulo.

      É muito importante colocar o aprendizado em prática!

      Grande abraço.

  • Carla Fontes

    Bem legal! Vou testar e ver os resultados!

    • Engenheiro Concurseiro

      Oi Carla,

      Testa o SQ3R que eu sei que você vai gostar!

      Grande abraço.

  • Pedro Ricardo

    Mais um artigo excelente. Parabéns, você é demais…

    • Engenheiro Concurseiro

      Obrigado, Pedro.

      Continue participando!

  • Henrique

    Artigo bem completo. Parabéns!
    Venho utilizando e vi uma melhora boa no meu aprendizado.
    Obrigado.

    • Engenheiro Concurseiro

      Que bom, Henrique.

      Sem dúvidas o método SQ3R funciona.
      Você leva um pouco mais de tempo mas o aprendizado é duradouro.

      Grande abraço.

  • Gilmar Odes

    Não conhecia o método sq3r. Gostei, o post está bastante detalhado.

    • Engenheiro Concurseiro

      Obrigado, Gilmar!
      Grande Abraço.

  • Marta Gomes

    Muito interessante o SQ3R. O estudo flui muito melhor quando você vai se “habituando” com o assunto que vai ser estudado do que quando você já chega com tudo.

  • Mona Weirich

    Esse SQ3R funciona mesmo.
    Conhecia ele faz um tempo e a diferença no aprendizado é muito claro. Você acrescentou mais alguns aspectos importantes que eu não conhecia. Parabéns!

    • Engenheiro Concurseiro

      Opa Mona,

      Que bom que gostou. Continua acompanhando o site que tem muita dica legal.

      Grande abraço.

  • Davi

    Melhor post que encontrei sobre a leitura SQ3R!!

    • Engenheiro Concurseiro

      Opa Davi,

      Agradeço pelo elogio.

      Grande abraço,
      Marcel Maranhão.

  • Renata Neves Batista

    Olá, Marcel!

    Ótima iniciativa sua! Adorei o site e as dicas. Tomei hoje a decisão de fazer concurso e estou buscando começar da forma correta. Minha cabeça está com um turbilhão de dúvidas. Mas aos poucos lendo aqui sei que irei sanando. Sou acadêmica de Eng Civil e estou no oitavo período.

    Vi as dicas para escolher o material correto. Vou começar por um concurso nacional e a banca é a da FGV. Você teria para me indicar algum bom material de conteúdos específicos de eng civil voltados para concurso?

    Ah, por curiosidade… quantas horas por dia você estudava quando se preparou para o concurso da Petrobrás?

    Parabéns pelo trabalho que você vem desenvolvendo aqui. Grata surpresa.

    Att.

    • Engenheiro Concurseiro

      Opa, Renata.

      Agradeço pelos elogios.

      Sobre o material, falo um pouco sobre isso nesse artigo: http://engenheiroconcurseiro.com/selecionar-materiais-perfeitos-concursos/

      Sobre quantas horas estudar por dia, desencana quanto a isso…
      Cada um possui seu limite de horas para estudar e também possui um rendimento diferente nos estudos.
      O mais importante é que você sempre aproveite as horas que você tem disponíveis, que você corte muitas coisas improdutivas que estão na sua rotina (mas, claro, você também precisa de alguns momentos de lazer).
      Cumprir esse compromisso é o mais importante. Isso te mantém alinhado com seu propósito e mais motivado.
      Rotina cada um tem a sua, então esqueça o número de horas ideal. 🙂

      Grande abraço,
      Marcel Maranhão.